A liberdade de apenas SER

Hoje é dia internacional da síndrome de Down. E que alegria que é ver minha timeline cheia de fotos lindas e de histórias inspiradoras. Que emoção ver jovens e adultos com SD indo pra faculdade, conquistando empregos de destaque, sendo músicos de sucesso! Mas também orgulho por TODAS as histórias, pois sei que o valor de uma vida e a sua relevância é muito mais do que conseguir tirar uma carteira de motorista ou casar e ter uma vida plenamente independente. Que neste dia saibamos que a pressão para provarmos algo para a sociedade, para quebrarmos esteriótipos, é algo que deva ser uma natural e genuína escolha pessoal, e não algo que sentimos que somos obrigados a fazer para provarmos nosso valor enquanto família, para reafirmar a relevância de nossos filhos. Para uns a vitória emocionante será um filho dirigindo um carro. Para outros, um filho conseguindo falar a palavra carro. Para uns a vitória será o filho ganhando uma medalha nas olimpíadas. Para outros, o filho ganhando alta da UTI.

Meu pedido para este dia, é que possamos viver nossa vida tranquilamente, descobrindo aos poucos o potencial dos nossos filhos, sem precisar provar nada para ninguém, e que isso seja suficiente.

Um tempo atrás eu escrevi que minha filha é muito mais que a soma de seus cromossomos. E, no dia internacional da síndrome de down, peço que entendam que o valor da vida dos nossos filhos é infinitamente maior que a soma de suas conquistas.

#paracegover foto da Alice apoiada em um sofá bege. Ela está dando um sorriso engraçadinho.

Texto: @carolrivello(@nossavidacomalice)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s